A CARREGAR

Descrição

Alguma dose de irreverência e vontade de descoberta, próprias de um jovem com 24 anos, leva Carlos Castanheira à Holanda e Amesterdão, onde permanece oito anos. Aí reencontra Álvaro Siza na década de 80, atarefado, com várias encomendas para Haia (…)



Neste cruzamento de caminhos, ambos encontraram uma via comum, feita de trabalho e de ajuda recíproca, envoltos em laços de amizade que se foram consolidando com o decurso do tempo (…)



Os projectos aqui publicados, que têm, sobretudo, a Coreia como destino, são também fruto da amizade e de laços construídos no tempo.
archinews _ Álvaro Siza + Carlos castanheira